Fonte Maior Fonte Padrão Fonte Menor
20 Fev 2016
Cursos Corporativos Grátis
0 Comentários - Comentar  ::  Categoria: Utilidade Pública, Oportunidades de Negócios

Cursos Corporativos Grátis

Clique e acesse um curso grátis e você verá que o futuro já chegou no EaD
 

Inovação no Aprendizado     Delegação de Tarefas e Empowerment

Tags:
Cursos Corporativos Grátis, Inovação no Aprendizado, Delegação de Tarefas & Empowerment
Maxta, Maxlearner, Robson Vitorino, cursos, corporativos, grátis, coaching

Links: 1) MaxLearner    2) Maxta


10 Out 2013
O Combate Começa Na Mente
0 Comentários - Comentar  ::  Categoria: Oportunidades de Negócios

Nova pagina 1

Nova pagina 1

Por: Robson Vitorino (*)

É comum vermos numa competição mundial o pódio com atletas estrangeiros e quase sempre um brasileiro em lágrimas, geralmente inconsolável. Isso quando o nervosismo não o tira da competição, quando ele era o favorito. Não é difícil lembrar-se de um esportista brasileiro nestas condições. Agora mesmo você acabou de lembrar-se de um. E o choro seria apenas a emoção eclodindo ou a surpresa de ter ganhado quando nem ele mesmo acreditava que seria possível?

Para os apreciadores do MMA e fãs do UFC, quero aqui resgatar a última luta do Anderson Silva contra Cris Weidman no UFC 162. O programa UFC Inside exibido no canal Combate, trouxe uma entrevista muito curiosa com o Cris Weidman. Seguem alguns trechos da entrevista: “Pode soar como arrogante mas não é. Eu mentalizei diversas vezes a imagem onde estou ganhando do Anderson. Eu me vi várias vezes levantando o cinturão. O Anderson atua diretamente no campo psicológico, minando a confiança dos adversários, mas eu estou preparado para isso.” Detalhe: essa entrevista foi concedida antes da luta. Weidman é bacharel em psicologia e fez uma preparação mental intensa treinando além da parte física a sua inteligência emocional.

Segundo o psicólogo e escritor Daniel Goleman, a inteligência emocional é a capacidade de identificar os nossos próprios sentimentos e os dos outros, de nos motivarmos e de gerir bem as emoções dentro de nós e nos nossos relacionamentos. De uma forma mais direta, é a capacidade de administrar emoções para alcançar objetivos.

O padrão mental é trazido à existência por meio de nossas atitudes. Infelizmente nós brasileiros temos sido muito negligentes quando o assunto é a inteligência emocional. Quantos profissionais você conhece com elevado nível de competência, excelente formação acadêmica e que não são bem sucedidos? Quando vamos para o meio desportivo isso é potencializado.

Nós fazemos tudo certo. Somos um povo guerreiro, nos preparamos e treinamos pesado, mas quando chega na hora muitas vezes acontece tudo diferente de como imaginávamos. Talvez você tenha se lembrado da nossa seleção brasileira de futebol sendo diversas vezes desestabilizada psicologicamente por seus rivais e perdendo uma partida em que eram os favoritos. Os exemplos sobram. Somos conhecidos por sermos um povo irreverente e que costuma quebrar “protocolos”, mas a verdade é que temos dificuldade de cumprir os protocolos por causa do nervosismo. A quebra do protocolo funciona como calmante psicológico. Mas é preciso aprender a controlar a variável psicológica. Já está na hora de unirmos o preparo técnico com a inteligência emocional.

Em outra entrevista, também um lutador de MMA, após perder uma luta em que ele era o favorito, revelou ao entrevistador: “Não quero aqui dar desculpas, mas quando estava no chão tentando finalizar a luta, alguém da platéia gritou o nome de minha filha, foi neste momento que eu perdi a luta. Ela está internada fazendo tratamento contra um câncer.”

Quando o campeão dos pesos pesados do UFC Júnior Cigano perdeu o cinturão para Cain Velasquez. Cigano estava no auge do processo de divórcio e o seu mestre Yuri Carlton informou que isso foi decisivo para a derrota do campeão. O nocaute de Cris Weidman sobre Anderson Silva aconteceu antes da luta. Foi tudo planejado e visualizado na mente de Weidman. Foi nesse terreno que ele derrotou o grande campeão Anderson Silva.

E você? Consegue imaginar-se alcançando aquele sonho? Será que você está realmente preparado para alcançá-lo? O que é que te desestabiliza? O que é que bloqueia suas habilidades? Quantas vezes você já foi prejudicado por não estar preparado mentalmente para uma situação em que poderia ter se preparado?

O coaching é um processo profissional amplamente consolidado na Europa e nos EUA e eles já entenderam a algum tempo que atitude é tudo. O trabalho do coaching passa pelo observador externo que tem uma capacidade privilegiada de observar e orientar o seu coachee com ferramentas eficazes para atingir os seus objetivos, potencializando as suas habilidades e talentos, aumentando o seu desempenho consideravelmente. Num processo de coaching há oportunidades de se trabalhar de forma intensa o desenvolvimento da inteligência emocional orientada para objetivos específicos, preparando-o para os riscos reais e ameaças que habitam no percurso para o êxito.

Tem muita gente que continua apanhando dos medos, dos traumas, da vida, da falta de preparo e treino da inteligência emocional.

Segundo Louis Paster, a sorte favorece a mente bem preparada. Conhecer a si mesmo é premissa fundamental para aqueles que querem vencer a grande batalha mental, onde a mente preparada nocauteia até os grandes campeões.

(*) Robson Vitorino é sócio da Maxta Treinamento e Desenvolvimento, Coach, palestrante, professor, articulista e consultor nas áreas de Marketing, Comunicação, Liderança e Gestão de Pessoas ? www.maxta.com.br

Tags: apresentações, apresentadores, advocacia empresarial, advocacia na era do conhecimento, advogados, bancas de advocacia, coaching jurídico,consultoria de marketing jurídico, consultoria de marketing legal, crescimento de escritórios, gestão de escritórios de advocacia, gestão do conhecimento jurídico, gestão escritórios de advocacia, gestão jurídica, inovação na advocacia,liderança, liderança corporativa, liderança criativa, marketing jurídico, maxlegal, maxta, robson vitorino


01 Out 2013
Toyota apresenta o elétrico i-road
0 Comentários - Comentar  ::  Categoria: Reportagens, Oportunidades de Negócios

Nova pagina 1


Com três rodas, pequeno ganhará as ruas do Japão em 2014
em um projeto de carros de aluguel


Toyota i-road: projeto de carros de aluguel no Japão
Foto: Toyota i-road

Rio - A Toyota dá mais um passo no mercado de veículos ecologicamente corretos. A aposta é o i-Road, elétrico que ganhará as ruas do Japão em 2014. O modelo fará parte da frota do sistema integrado de transporte Ha:Mo, que terá 62 bicicletas e 55 carros elétricos de aluguel espalhados por 17 estações próximas a terminais de trem, metrô, ônibus e centros comerciais da cidade de Toyota.


Pequeno elétrico de três rodas tem capacidade para dois ocupantes
Foto: Divulgação

Apresentado ainda como um conceito no Salão de Genebra, em março passado, o i-Road lembra o Renault Twizzy. Mas ao contrário do modelo da marca francesa, o japonês é equipado com três rodas, sendo duas na dianteira e uma na traseira ? no Twizzy são duas em cada eixo.

Com capacidade para dois ocupantes, o i-Road tem dois motores elétricos de 2kW montados nas rodas dianteiras ? total de 2,71 cv de potência. A autonomia é de cerca de 50 km e a bateria pode ser recarregada em tomadas doméstica em até três horas.

O mais interessante do i-Road, porém, é o sistema de inclinação em curvas ? ‘Active Lean’. Este é capaz de equilibrar automaticamente o modelo nas curvas ou em superfícies irregulares. O cálculo é feito com base no ângulo de direção e na velocidade do veículo ? o volante transmite as informações para os sensores que ativam o sistema.


i-road se equilibra automaticamente nas curvas
Foto: Divulgação

Fonte: O Dia online


24 Set 2013
A propósito, qual é o Propósito?
0 Comentários - Comentar  ::  Categoria: Oportunidades de Negócios

Nova pagina 1

Por: Robson Vitorino (*)

Sem querer ser nostálgico, mas já sendo, os anos 80 marcaram a minha geração principalmente na área cultural. As músicas desta década ainda são muito tocadas. Você se lembra daquele grupo o Ultraje a Rigor? Eles tinham uma música que fez muito sucesso na época chamada Inútil. Segue um trecho da música:

“A gente não sabemos
Escolher presidente
A gente não sabemos
Tomar conta da gente
A gente não sabemos
Nem escovar os dente
Tem gringo pensando
Que nóis é indigente…
“Inúteu”!
A gente somos “inúteu”!
“Inúteu”!
A gente somos “inúteu”!

Esta música trata de um problema crônico e global que é o desconhecimento do propósito da vida.
Eu tinha uns 15 anos e já namorava a minha atual esposa (que privilégio!) e estávamos saindo de um shopping na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, refletindo sobre nosso futuro e expectativas. Naquele momento nossos olhos se encheram de lágrimas como uma mistura de expectativa e frustração em não ter as respostas para o propósito das nossas vidas.

Em algum momento da vida nós deitamos a cabeça no travesseiro e pensamos que a vida é mais do que isso acordar, trabalhar, ver TV. Finais de semana, festas, cinema e, se tiver sol, uma praia. Talvez você esteja pensando “Ah, mas isso é viver!”, não isso é existir.

Existir está para coisas ordinárias, assim como viver está para coisas extraordinárias.
Viver implica na capacidade de identificar seus dons e talentos, utilizá-los e fazer aquilo que vocês nasceu para fazer, de forma extraordinária, produzindo algo de valor para o próximo e recebendo a satisfação de fazer algo que valha à pena.

Eu conheço e, talvez você também, pessoas que:
? Não se sentem realizadas
? Sentem que são uma farsa
? Parecem estar vivendo a vida de outra pessoa
? Estão vivendo o que os outros queriam que ela fosse
? Tentam fingir que são uma coisa que não são

A descoberta do propósito passa por:

1. Identificar quais são os seus talentos
Todos nós somos dotados de talentos. A palavra talento no inglês é Gift que também significa “presente”. Sim, talento é um presente que recebemos ou adquirimos. Existem os talentos natos (atrelados à sua personalidade) e os adquiridos (obtidos por meio de experiências de vida, estudos ,etc.)
Um talento é uma habilidade diferenciada e o seu resultado é algo que você faz com excelência e melhor do que a média.

2. Servir
Pense num músico de sucesso que você goste. Ele só obteve sucesso porque exercitou o dom servindo ao próximo. Sim. Você gasta dinheiro para comprar um DVD, ingresso de show, porque percebe valor no que ele produz. O dom deste músico em exercício agrega valor a você. É assim também com aquele médico excelente amigo da sua família. O que você tem feito com os seus dons? Como os seus dons vêm servindo ao próximo? O sucesso e a satisfação estão garantidos quando se coloca o dom a serviço do próximo.

3. Perder o tempo de vista
O tempo é o grande inimigo da obrigação. Tudo que fazemos que esteja isento de prazer demora a passar. É praticamente uma lei universal. Mas se você está lendo este artigo e buscando identificar qual é o propósito da sua vida, procure se lembrar de experiências em que você desenvolveu atividades tão prazerosas que nem viu o tempo passar. Possivelmente, a realização de atividades que nos proporcionam este sentimento, são atividades alinhadas com os seus dons e propósito.
O meu desejo é que você seja capaz de completar a frase “Eu existo para…” e, ao ter a convicção do seu propósito, focar todos os seus talentos e cumpri-lo da melhor forma, estando certo de que a felicidade e satisfação serão seus companheiros inseparáveis.

(*) Robson Vitorino é sócio da Maxta Treinamento e Desenvolvimento, Coach, palestrante, professor, articulista e consultor nas áreas de Marketing, Comunicação, Liderança e Gestão de Pessoas ? www.maxta.com.br

Tags: apresentações, apresentadores, advocacia empresarial, advocacia na era do conhecimento, advogados, bancas de advocacia, coaching jurídico,consultoria de marketing jurídico, consultoria de marketing legal, crescimento de escritórios, gestão de escritórios de advocacia, gestão do conhecimento jurídico, gestão escritórios de advocacia, gestão jurídica, inovação na advocacia,liderança, liderança corporativa, liderança criativa, marketing jurídico, maxlegal, maxta, robson vitorino


17 Set 2013
Apresentações & Apresentadores Inesquecíveis
0 Comentários - Comentar  ::  Categoria: Oportunidades de Negócios

 

Por: Robson Vitorino (*)

Precisando melhorar suas técnicas de apresentação e comunicação? Tem um desafio pela frente? Precisa fazer uma apresentação inesquecível?

Fazer uma apresentação qualquer pessoa pode fazer, agora uma apresentação inesquecível e marcante não é para qualquer um. Ganhar o respeito e admiração de uma platéia requer muito mais do que dominar o assunto. É preciso ter uma boa história e saber contá-la de forma clara, objetiva e emocionante. São os detalhes que fazem a diferença: o tom de voz, o conjunto apresentador e apresentação, design, simpatia do apresentador, elementos surpresas usados na hora certa, etc. Cada história é única e a depender do seu público, a Maxta irá traçar uma estratégia de comunicação específica, seja com recursos para desafiar a platéia, emocionar, divertir, etc.

A Maxta desenvolve o apresentador e a apresentação:
1. Por meio de ferramentas específicas lhe auxiliamos a estruturar o raciocínio
2. Elaboramos o roteiro para a sua apresentação (Storytelling)
3. Organizamos o conteúdo
4. Aparelhamos o apresentador ? Oratória, Programação Neurolínguística, etc.
5. Montamos a apresentação ? Design em multiplataformas (Powerpoint, Flash, vídeos, etc.)
6. Acompanhamos você em sua apresentação

Benefícios:
- Apresentações inesquecíveis ? Branding
- Aperfeiçoamento e desenvolvimento de habilidades de comunicação
- Consolidar a sua imagem como um palestrante diferenciado
- Ganho de inteligência emocional e controle emocional
- Compartilhar experiências com eficiência
- Ajudar ao próximo de forma marcante

(*) Robson Vitorino é sócio da Maxta Treinamento e Desenvolvimento, Coach, palestrante, professor, articulista e consultor nas áreas de Marketing, Comunicação, Liderança e Gestão de Pessoas ? www.maxta.com.br

Tags: apresentações, apresentadores, advocacia empresarial, advocacia na era do conhecimento, advogados, bancas de advocacia, coaching jurídico,consultoria de marketing jurídico, consultoria de marketing legal, crescimento de escritórios, gestão de escritórios de advocacia, gestão do conhecimento jurídico, gestão escritórios de advocacia, gestão jurídica, inovação na advocacia,liderança, liderança corporativa, liderança criativa, marketing jurídico, maxlegal, maxta, robson vitorino


<< Recentes 1 2 3 4 5 Anteriores >>

Crônicas da Vida
Pastorais e Estudos
Eventos
Comunicações
Utilidade Pública
Humor
Reportagens
Mulher
Pesquisas & Estatisticas
Avivamento
Pedido de Oração
Datas Celebrativas
Fotos
Clips
Livros - Indicação
Missões
Ilustrações
Áudios de Mensagens
Oportunidades de Negócios


Facebook

© Blog do Pastor - 2007 desenvolvido por